Diabetes Weekend

Pé Diabético – Cuide deles!

Como-Fazer-Massagem-nos-Pés

Após algum tempo de diagnóstico de diabetes, aquelas pessoas que não possuem um bom controle glicêmico, começam a apresentar complicaçoēs crônicas, nos rins, na retina e também nos pés, o chamado pé diabético.

Ele é caracterizado pela diminuição da circulação e por consequência, nutrição dos tecidos dos membros inferiores (micro e macroangiopatia diabética). Levando a vasculopatias e mais com mais frequências, neuropatias de graus variados.

A má nutrição dos nervos, leva a diminuição ou perda da sensibilidade dolorosa e térmica nos membros inferiores, a chamada neuropatia. Ela é sentida como um formigamento, agulhadas, dor, dormência, queimação ou fraqueza nos membros inferiores.

Um pé sem sensibilidade, torna-se um pé de risco, incapaz de perceber um sapato apertado ou espinhos no chão. Essas lesões podem infectar, levando a pessoa a correr risco de internações e até amputações.
Portanto, o cuidado com o pé do diabético, começa com o controle da glicemia, atividade física regular, alongamentos, o uso de calçados adequados e a higiene dos pés.

Dicas importantes:

-Examine seus pés diariamente (para facilitar este exame dos pés, use um espelho ou peça ajuda de uma pessoa)

1. Pés limpos e hidratados
Manter os pés sempre limpos evita o surgimento de infecções como, por exemplo, fungos. Usar sempre água morna, nunca muito quente, para evitar queimaduras.
Deve-se usar hidrante, lembrando de não passá-lo entre os dedos.

2. Cuidados na hora de cortar as unhas
Deve haver um cuidado especial. As unhas devem ser cortadas com tesouras adequadas e com todo o cuidado para não levar a cortes nas laterais dos dedos. As unhas mal cuidadas podem encravar e infeccionar

3. Calçados adequados
São recomendados os calçados que não tenham costuras nem pontos de pressão internos e que ajudem a distribuir o peso igualmente em toda a planta do pé. Usar meias macias e trocá-las diariamente
Chinelos de dedo (Havaianas), que deixam os pés desprotegidos e deformam com o uso, não devem ser usados.
Sapatos de plástico ou de couro sintético aumentam a transpiração e devem ser evitados.

Dica do nosso fisioterapeuta Juliano Pinheiro Lopes – Mestre em Ciências da Saúde


compartilhar no facebook

Novidades

Entrevistas

Dicas

Mais Informações

Luciana Napoleão
luciana.napoleao@hotmail.com

Cássia Nascimento
cassianascimento.nutri@hotmail.com

Facebook
Facebook
diabetes.weekend

Patrocinadores

ARAÚJO INADE CEM-HUSJ Roberto Freitas Designer
Topo